Como usar Equalizador Gráfico

Tempo de leitura: 9 minutos

Você gosta de utilizar o equalizador gráfico como insert no bumbo, no master ou em outros canais na sua mixagem?

Nesta publicação vou te mostrar passo a passo como usar os racks 1 a 4 e 5 a 8 como insert do equalizador gráfico e também te falar sobre a diferença dos 04 modelos de GEQ presentes na Behringer X32.

Saiba, nesta publicação, como usar o equalizador gráfico na x32 e melhore suas mixagens, resolvendo problemas de sonoridade, nos sistemas que tem usado.

Para fazer este tutorial, usei as telas do editor para computador, pode ser que no console algumas imagens estejam diferentes, mas os caminhos são os mesmos.

Na publicação de todas as atualizações da x32 tem um histórico de tudo que é novo no console. Passa lá depois, pois estou sempre atualizando os textos lá.

Diferença entre o eq. paramétrico e o eq. gráfico na x32

A x32 tem dois tipos de equalizadores: os paramétricos e os gráficos. Você vai entender agora a diferença entre eles:

Equalizador Paramétrico

Os equalizadores paramétricos são aqueles que se encontram dentro dos canais, na qual você tem limitação de 4 bandas na entrada e 6 bandas na saída.

Nestes equalizadores, você pode mudar a frequência usando de 20Hz a 20000Hz.

Também pode mudar a amplitude (nível) desta frequência definida, aumentando ou diminuindo o ganho dela.

O terceiro controle do equalizador paramétrico é a largura de banda (Q), na qual pode afinar pegando somente a frequência definida ou enlarguecer atuando nas frequências laterais à escolhida.

Equalizador paramétrico
Equalizador Paramétrico do Master L/R com 06 bandas

Equalizador Gráfico

Os equalizadores gráficos são aqueles que são inseridos nos canais como reforço aos equalizadores paramétricos. Lembrando que você pode equalizar sem usar o equalizador.

Estes equalizadores contem 31 bandas de equalização e não permitem o ajuste da largura de banda (Q).

As frequências são fixas, impossibilitando alcançar alguma frequência que não seja as 31 fixas.

Quando não é possível corrigir os problemas com o equalizador paramétrico, entra em ação o uso do equalizador gráfico para complementar.

Equalizador gráfico de 31 bandas
Equalizador gráfico de 31 bandas

A x32 permite inserir o equalizador gráfico nos canais de duas formas: pode fazer um insert direto em 04 racks ou reconfigurando os efeitos transformando eles em outros 04 racks de equalizador.

Aprenda o passo a passo para usar o equalizador gráfico na x32

No passo a passo abaixo, você aprenderá como usar o equalizador gráfico na x32.

Passo 01 – Abrindo os racks e escolhendo os equalizadores

Abra a página de racks clicando no menu EFFECTS ao lado da tela.

De padrão os racks da esquerda (1 a 4) são rack de efeitos. Já os racks da direita (5 a 8) são racks de processamento. Todos eles podem ser equalizadores.

Definir efeito como insert no rack 4
Altere o tipo de efeito rotacionando TYPE e defina o efeito como INSERT rotacionando em SOURCE (para habilitar a inserção no canal de entrada ou saída)

Para usar os racks de 1 a 4, como insert, vai precisar ir no canal para concluir a ação, para usar os racks de 5 a 8, prefiro usar estes, a aplicação é imediata.

Passo 02 – Usando os racks de 1 a 4 como insert

Depois de ter definido o tipo de equalizador que quer usar (nos passos Bônus eu explico cada tipo), você habilita o recurso como insert.

Feito isto, vai no canal que quer este insert vinculado (pode ser de entrada ou saída) e escolha o insert fora de [colchetes].

O que estiver em colchetes não está pronto para uso como insert:

Exemplo de aplicação de insert no master
Somente as máquinas fora de [colchetes] estão habilitadas para uso como insert
Você pode ligar o insert pela opção da imagem acima (clicando em INSERT) ou pode ligar pela página dos racks dos efeitos (clicando em INSERT) como na imagem abaixo:

Insert vinculado e ligado
Se o controle INSERT estiver apagado, então ele está desligado

Após habilitar o rack como insert, ir no canal e vincular a máquina ao canal [rack fora de colchetes] e ligar a inserção (botão INSERT), a máquina vai estar atuando:

Equalizador gráfico atuando no LR
Equalizador gráfico atuando no LR

Perceba que no exemplo usei uma máquina DUAL, isto por causa que uma máquina dual pode controlar o lado A independente do lado B no rack.

E é possível fazer o link. Sendo assim, posso equalizar cada lado do LR independente ou usar o link deste equalizador pra equalizar os dois lados juntos.

Perceba que também tem um botão para copiar de um para o outro (COPY A TO B).

Estas últimas dicas também podem ser usadas no próximo passo.

Passo 03 – Usando os racks de 5 a 8 como insert

Para usar os racks de 5 a 8, escolha uma posição de rack. Depois defina um tipo de equalizador. Abaixo, em bônus, explico a diferença entre eles.

Agora, escolha um canal para qual vai usar como insert e depois habilite o botão de insert que já vai estar atuando:

Equalizador no rack 5 a 8
Ao usar uma das máquinas de 5 a 8, rotacione TYPE pra escolher o equalizador, rotacione INSERT para escolher o canal e depois clique em INSERT para ligar

Se estiver feito tudo certinho, vai ficar mostrando assim dentro do equalizador:

Canal 17 com insert do equalizador gráfico 05 (A) vinculado
Canal 17 com insert do equalizador gráfico 05 (A) vinculado e ligado o botão INSERT

Agora é só usar o equalizador:

Equalizador no rack 5 inserido no canal 17
Equalizador no rack 5 inserido no canal 17 e ligado

Perceba que neste caso eu usei um equalizador estéreo para demonstrar que vai funcionar, o problema neste caso é que se usar um outro canal inserido na parte B, o que equalizar no A vai estar no B (ou melhor, o que equalizar no L vai aplicar no R).

Isto pode ser ruim em canais que são monos, mas já fiz muitas vezes.

Por exemplo: tenho 2 microfones earset idênticos e muito problemático, deixo este equalizador que atua nos dois lados de uma vez (estéreo) pra corrigir os dois microfones para o ambiente (sobras e microfonias) e o equalizador no canal para corrigir o timbre conforme o tipo de voz (masculina, feminina, pessoa nova ou idosa…)

Esta dica também vale se estivesse usando o GEQ dos racks 1 a 4. No fim, você escolhe a melhor forma, se DUAL ou STEREO. Pra saber mais sobre isto, veja as dicas abaixo:

Bônus – Dicas

Os inserts podem ser mudados de posição dentro do canal.

Selecione o canal, vá em HOME, navegue para aba CONFIG e mude a posição do INSERT para antes ou depois do processamento de equalizador paramétrico e dinâmico.

Já o RTA (a partir da versão 2.0) fica de padrão antes do sinal ser processado, mas pode ser modificado para depois do sinal processado usando a opção “RTA POST”.

Equalizador gráfico de 31 bandas
Equalizador gráfico de 31 bandas

Você poderá editar os parâmetros deste equalizador, abrindo a aba referente a ele e modificando nos rotativos.

E, também, poderá enviar para os deslizantes, usando a opção “GEQ ON FADERS”.

Tipos de equalizadores gráfico na x32

Quatro tipos de equalizadores gráficos
Os equalizadores são divididos em Dual e Stereo, sendo Graphic EQ ou TruEQ.

Equalizadores do tipo Dual, são dois equalizadores monos em mesma máquina. O que equalizar em um lado, não modifica o outro lado.

Para alternar entre lado A e B, use as setinhas para cima e para baixo.

Equalizadores do tipo Stereo, tem os dois lados do equalizador funcionando como um só. O que editar em um lado, vai estar editando no outro.

Qual a diferença entre GraphiqEQ e TruEQ?

O tipo GraphicEQ atua de forma mais agressiva no nível de frequência editada, ou seja, vai mais profundo que no ponto que quer tirar.

Gráfico do GraphicEQ
Ao subir 10dB em algumas frequências, com a agressividade, poderá chegar a mais de 15dB de ação.

Como consequência, a fase é mais impactada com GraphicEQ.

Usando como TruEQ, o nível é mais verdadeiro quanto ao que se tira. No mesmo exemplo acima, agora como TruEQ:

TruEQ
Ação de nível é exatamente proporcional ao quanto foi editado nas frequências. Colocou 10dB reponde verdadeiramente.

Inclusive, usando como TruEQ, a fase sofre uma suavização entre frequências.

Os dois tipos servem para resolver problemas de sonoridade e microfonias.

Gostou? Então, deixa um comentário, ele é muito importante para que eu possa fazer melhor nos próximos textos. Ahhh!!!! Aproveita e compartilha nos botões das redes sociais no começo desta publicação.

Quer aprender a Behringer X32 de verdade?

Eu te entendo e sei o que você passa!

Também achei o manual complicado de compreender, olhei pra mesa de som digital e fiquei sem saber para onde ia aquele o tanto de botões, já tive a sensação de ter uma mesa top e não saber usar os recurso e eu já senti que as vozes ou os instrumentos soavam estranhos, mas não sabia como ajustar.

Foi bem difícil ver outras pessoas conseguindo resultados e eu travado sem saber o que fazer.

Como disse, eu realmente te entendo e sei que nada disto é sua culpa. A real é que você não teve alguém que te orientasse com um método que te ensine de verdade.

De tanto sofrer, de tanto gastar, de tanto perder tempo… eu aprendi e transformei este conhecimento em um método que vai te levar do iniciante ao avançado.

O meu método vai te ensinar onde estão os controles, pra que eles servem, como usar eles e quando usar eles.

Quer aprender todas as Behringer X32 de verdade? Bora pra próxima aula lá no treinamento: https://treinamento.behringerx32.online

Comente com sua conta do Facebook:

Comentários:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *